QUANDO O PSICÓLOGO PODE AJUDAR

Os acompanhamentos psicoterápicos são indicados para  pessoas que estejam com um grau de sofrimento muito intenso, desconforto emocional, situações  que as impedem de manter uma boa qualidade de vida. Em situações assim as pessoas podem apresentar sintomas tais como depressão, ansiedade, baixa auto-estima, e etc. É possível ajudar aqueles que de fato querem, procuram e precisam de ajuda. As técnicas utilizadas em psicoterapias, independente da abordagem, sem dúvida alguma são fundamentais para a superação de muitos problemas emocionais, causadores de angustias ou desconfortos.
O apoio de qualquer pessoa, num momento de sofrimento, pode sem dúvida, ter uma função de ajuda para a superação de dificuldades. Porém, o psicólogo, em seu trabalho, vai para além disto. Utiliza conhecimentos inerentes à sua formação que o capacita fazer intervenções com  finalidade de contribuir na solução dos problemas causadores  do sofrimento.  A intervenção do psicólogo é intencional, planejada e feita não só com utilização conhecimentos científicos, como também com sua experiência profissional.
Portanto, se não se sente emocionalmente bem: sente ansiedade, culpa, está se sentindo triste sem causa aparente, deprimido, perturbado com pensamentos contínuos e constante sobre alguma coisa, fatos ou pessoa, procure ajuda de um profissional da psicologia. Ele certamente terá meios para ajudá-lo (la).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PSICOLOGIA HOSPITALAR

Terarapia complementar

Conselho de pai!