Postagens

Mostrando postagens de 2020

Anvisa concede certificado de boas práticas de fabricação a Pfizer

  (Money Times) A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu na segunda-feira o certificado de boas práticas de fabricação ao laboratório Pfizer, etapa necessária para o registro da vacina contra Covid-19 desenvolvida pelo laboratório no país. De acordo com a Anvisa, a Pfizer utiliza quatro empresas na produção do ativo biológico usado na sua vacina, e a agência já tem informações suficientes sobre três delas, faltando apenas a complementação da quarta. A Pfizer, que desenvolveu uma vacina em parceria com a alemã BioNTech, é a terceira empresa fabricante de vacinas contra a Covid-19 a receber o certificado de boas práticas visando o registro do imunizante no país. A primeira delas foi a chinesa Sinovac e a segunda, a AstraZeneca... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

Anvisa X Pfizer

 *Brasil: Anvisa e Pfizer tentam acordo em reunião amanhã sobre registro da vacina* Por Caio Junqueira (CNN) A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a farmacêutica Pfizer terão uma reunião nesta quarta-feira (30) em Brasília para tentar avançar no debate sobre o registro da vacina contra Covid-19 da farmacêutica no Brasil. O encontro ocorrerá em um momento em que cresce a tensão entre a Pfizer, a Anvisa e o governo brasileiro. A Pfizer acusa a Anvisa de apresentar uma série de exigências que, segundo a farmacêutica, impedem que a sua vacina seja entregue no curto prazo no Brasil. As autoridades brasileiras, por sua vez, consideram que a Pfizer não tem vacina para vender ao Brasil no curto prazo e, em razão disso, acusa a burocracia brasileira de impor empecilhos para viabilizá-la... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

Novavax anuncia início da fase 3 de testes de sua vacina contra a Covid-19

 * (CNN Brasil) Os ensaios clínicos de fase 3 da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Novavax já estão programados para começar nos Estados Unidos e no México, anunciou a empresa nesta segunda-feira (28). O ensaio da vacina candidata, conhecida como NVX-CoV2373, avaliará a segurança, eficácia e resposta imunológica em até 30 mil pessoas com 18 anos ou mais. Os testes se baseiam nos estudos de fase 1 e 2 que demonstraram que a vacina provocou uma resposta imunológica e pareceu ser segura. O estudo está examinando se a vacina previne os sintomas moderados e graves da Covid-19. Dois terços dos participantes serão designados para receber aleatoriamente duas injeções de vacina administradas com 21 dias de intervalo, enquanto o restante receberá um placebo. Os teste acontecerão em locais que atualmente têm altas taxas de transmissão.... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

Covid 19 e as máscaras.

 *Máscara bloqueia 99,9% das gotículas grandes que transmitem Covid-19, diz estudo* por Raphael Coraccini (CNN) Usar uma máscara cirúrgica ou feita a mão libera menos de uma gotícula grande de saliva a cada mil disparadas durante a fala ou a tosse. É o que aponta um estudo publicado pela revista científica Royal Society Open Science, produzido por cientistas de diferentes universidades do Reino Unido. Os cientistas apontaram que as máscaras capturam 99,9% das gotículas de saliva com mais de 20 micrômetros. O que o estudo dá como certo é que a saliva disparada durante a fala ou a tosse é a principal via de transmissão do coronavírus. Não se sabe, porém, se as mais infecciosas são as gotículas maiores ou menores.  O estudo reconhece que é “extraordinariamente difícil determinar” qual perfil de gotícula é mais transmissível, se as maiores, que têm carga viral maior, mas são fáceis de capturar com as máscaras, ou se as menores, chamadas de aerossol, que têm carga viral menor, mas que são m

Vacinação nos Estados Unidos

 *Pfizer começa distribuição das doses da vacina nos EUA* (CNN) As primeiras doses da vacina Pfizer/BioNtech chegaram na manhã deste domingo (13) aos Estados Unidos, após a FDA (Food and Drug Administration) ter anunciado no sábado (12) a aprovação em caráter emergencial. Até o dia 1 de Janeiro 2021, 300 milhões de doses deverão ser distribuídas a todos os centros de saúde espalhados pelos estados do país... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

*Pandemia fez crescer casos de doenças psicossomáticas

 Por Ludmilla Souza  (Agência Brasil) A pessoa sente uma dor específica ou um mal-estar e, ao ir ao médico e fazer os exames solicitados, descobre que o problema tem origem emocional. São as doenças psicossomáticas, que apresentam sintomas físicos, sem que nenhum exame laboratorial ou de imagem revele características físicas que possam ser a causa da aflição. A origem das doenças psicossomáticas é sempre emocional, “mas a manifestação é no corpo, ou seja, um sintoma que não pode ser explicado por causa orgânica ou exame, mas que é real e traz prejuízo para o indivíduo. É bastante comum em pessoas ansiosas que tendem a colocar no corpo seus sofrimentos psíquicos e em pessoas mais concretas, que  não conseguem entrar em contato com seu lado afetivo e emocional”, explica a psiquiatra na Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo, Danielle H. Admoni, especialista pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP)... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde

AstraZeneca compra farmacêutica Alexion por US$ 39 bi

A AstraZeneca PLC informou neste sábado (12) que concordou em comprar a Alexion Pharmaceuticals Inc., com sede em Boston, por US$ 39 bilhões. O pagamento será feito em ações e dinheiro, uma medida que reforçaria a pegada da gigante britânica de medicamentos em imunologia e doenças raras. O negócio chega em um momento crucial para a AstraZeneca, que está no estágio final de desenvolvimento de uma vacina considerada líder contra a Covid-19, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford. A vacina está sendo revisada por reguladores de medicamentos do Reino Unido e da Europa e pode ser autorizada para uso de emergência no Reino Unido dentro de algumas semanas, disseram os cientistas envolvidos... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

Estados Unidos aprovam uso emergencial da vacina da Pfizer

Por Jovem Pan (Jovem Pan) Depois da pressão do chefe de gabinete da Casa Branca, Mark Meadows, ao comissário da agência de alimentos e medicamentos dos Estados Unidos (FDA), Stephen Hahn, a agência aprovou o uso emergencial da vacina da Pfizer e BioNtech contra a Covid-19 no fim desta sexta-feira, 11. De acordo com o jornal The Washington Post, Meadows disse que Hahn deveria renunciar se o órgão não autorizasse o imunizante. Até o momento, México, Canadá, Arábia Saudita, Bahrein e Reino Unido já fecharam acordo com a farmacêutica norte-americana. A chancela da FDA deve permitir o início da vacinação nos EUA para a próxima semana, sendo os primeiros a tomar a vacina os profissionais de saúde e idosos que vivem em asilos... Enviado via AppNews Jovem Pan – A notícia que vai aonde você estiver. Grátis em http://AppNewsDelivery.com.

Covid19 X Vacinas

Imagem
Farmacêuticas não antecipam  dificuldades na distribuição mas farmácias podem ter problemas. Na semana passada, as farmacêuticas Moderna e o consórcio Pfizer/BioNTech anunciaram que as suas candidatas têm uma eficácia de cerca de 95%, colocando-se na frente da corrida à vacina contra a covid-19. Com estes novos dados, e outros também promissores divulgados entretanto por mais empresas, aumentou a expectativa de uma nova vacina em janeiro, ou ainda antes do final do ano, e começaram-se a discutir os desafios logísticos de uma operação de vacinação em massa. Em Portugal, o plano de vacinação, que inclui questões logísticas desde a distribuição ao armazenamento, está a ser coordenado por uma ‘task-force’ criada pelo Governo e deverá ser conhecido em breve. A Lusa falou com as farmacêuticas que têm estado a desenvolver duas das vacinas que já foram asseguradas pela União Europeia, da Pfizer e da Moderna, e nenhuma antecipa dificuldades ao nível das operações de distribuição mundial. Entre

Universidade britânica cria spray nasal contra covid e espera iniciar vendas logo.

Paralelamente à corrida internacional pela busca de uma vacina contra o novo coronavírus, várias opções de medicamentos e atenuantes da doença têm chegado à tona. Nesta quinta-feira, 19, a Universidade de Birmingham, no Reino Unido, publicou que um spray nasal que pode fornecer proteção eficaz contra a covid-19 foi desenvolvido por seus pesquisadores, usando materiais já aprovados para uso em humanos. "Uma equipe do Healthcare Technologies Institute da Universidade formulou o spray usando compostos já amplamente aprovados por órgãos reguladores no Reino Unido, Europa e Estados Unidos. Os materiais já são amplamente utilizados em dispositivos médicos, medicamentos e até produtos alimentícios", detalhou a instituição. Na prática, isso significa que os procedimentos complexos normais para levar um novo produto ao mercado tendem a ser simplificados. A expectativa da universidade é a de que o spray possa estar disponível comercialmente "muito rapidamente". "Este spr

Mais de 43% dos diabéticos infetados tiveram de ser hospitalizados

Imagem
  Dados do Observatório Nacional da Diabetes, registados de março a 28 de abril de 2020, revelam que a taxa de hospitalizações de doentes infetados foi mais elevada em doentes com diabetes. As hospitalizações de pessoas diagnosticadas era de 14,5%, uma percentagem que aumentou para 43,3% nas pessoas com diabetes. Os números divulgados preocupam a Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (APDP) que alerta para a importância do rastreio da COVID-19 em pessoas com diabetes. Os dados do Observatório Nacional da Diabetes revelam ainda que, do total de pessoas que testaram positivo para COVID-19, 1 145 tinham diabetes (5,3% do total). Um número que se traduz em 83 óbitos, no total de 502 óbitos que se registaram em Portugal durante o período em análise. Além disso, 20,3% das pessoas com diabetes (por comparação ao valor de 8,8% das pessoas infetadas) necessitaram de Internamento em Unidades de Cuidados Intensivos. Para o presidente da APDP, José Manuel Boavida, estes números trazem à

DIABETES E COVID19

 Fonte:  https://healthnews.pt/ APDP alerta para impacto do vírus e desafia Governo a testar diabéticos em risco de contágio. A Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal (APDP) desafiou esta terça-feira o Governo a testar as pessoas com diabetes que estão em risco de serem contagiadas, alertando que se forem infetadas com Covid-19 podem descompensar e agravar os seus internamentos. “Estamos numa nova fase da pandemia, estamos numa fase de dispersão da contaminação, já não se faz por contactos conhecidos, faz-se na sociedade, e a única forma de abordar esta situação é pela testagem massiva das pessoas”, defendeu o presidente da APDP, José Manuel Boavida, que falava à Lusa a propósito do Dia Mundial da Diabetes assinalado a 14 de novembro. Tal como a Universidade de Lisboa já começou a testar os estudantes e os profissionais e a Câmara de Lisboa vai começar a testar nas escolas, APDP desafia “o Governo a começar a testar as pessoas com diabetes que estão em risco de serem contagiad

Colesterol e Covid-19: As estatinas têm algum efeito?

Imagem

O AUMENTO DO STRESS EM TEMPOS DE PANDEMIA.

  Febre, tosse e dificuldade em respirar é do que mais se tem ouvido falar nos diversos canais noticiosos, que insistem em bombardear-nos diariamente com os sintomas associados à Covid-19. Mas, o que está por detrás desta pandemia e que poucos relatam? Os danos psicológicos: o stress associado à instabilidade laboral, familiar e o receio do incerto são das maiores preocupações das famílias portuguesas. O stress é já considerado pela Organização Mundial de Saúde, “a epidemia de saúde do século XXI” e a realidade é que, desde março de 2020, tem afetado um número crescente de pessoas, comprovado pela elevada procura e consumo de ansiolíticos e antidepressivos, na grande maioria das vezes, uma automedicação. A pandemia trouxe um isolamento social e físico e consequentemente aumentou o sentimento de solidão – principalmente no caso dos mais idosos. E a juntar à pandemia, existe ainda a pressão, caraterizada pela competitividade interpessoal, e o caos vivido nas grandes cidades. Muito trânsi

ENQUANTO OS SEUS PAIS ENVELHECEM DEIXE-OS VIVER!

 ENQUANTO TEUS PAIS ENVELHECEM, DEIXA-OS VIVER … “Deixa-os envelhecer com o mesmo amor que eles te deixaram crescer … deixa-os falar e contar repetidamente as histórias com a mesma paciência e interesse que eles escutaram as tuas quando eras criança … deixa-os vencer, como tantas vezes eles te deixaram ganhar … deixa-os conviver com os seus amigos, conversar com os seus netos … deixa-os viver entre os objectos que os acompanharam ao longo do tempo para não sentirem que lhes arrancas pedaços das suas vidas … deixa-os enganarem-se, como tantas vezes tu te enganaste … DEIXA-OS VIVER e procura fazê-los felizes na última parte do caminho que lhes falta percorrer, do mesmo modo que eles te deram a mão quando iniciavas o teu.” -   (autoria desconhecida)

Verdades e fantasias sobre as vacinas a toque de caixa!

Imagem

"VACINA PRODUZIDA EM TEMPO RECORDE NÃO PODE SER SEGURA" | O que não te c...

Imagem

Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC

Imagem
  Desde o início da pandemia da COVID-19, pesquisadores e cientistas discutem de quais formas o novo coronavírus (SARS-CoV2) pode ser transmitido. Agora, parece haver o consenso de que esse agente infeccioso pode, realmente, contaminar pessoas saudáveis através das vias áreas. Em outras palavras, ele pode se propagar pelo ar, como a tuberculose, sarampo e catapora, mesmo que essa não seja sua principal forma de transmissão. Diante desse risco, as chances de se contrair COVID-19 são muito maiores em ambientes fechados do que ao ar livre, como em um parque. O novo consenso que está sendo discutido há meses sobre o coronavírus deve afetar, diretamente, as políticas públicas e medidas para contenção de contágio. Ainda em julho, a  Organização Mundial da Saúde (OMS) já alertava sobre essa possibilidade , por exemplo. Pesuqisadores apontam que o coronavírus pode ser transmitido pelo ar, como a tuberculose (Imagem: Reprodução/ Kjpargeter/ Freepik. “Esse vírus é liberado em aerossóis que perma

Assista à entrevista com Dr. Paulo Porto de Melo na íntegra

Imagem

Tudo sobre a vitamina D com o Dr. Cícero Coimbra

Imagem

Covod 19 mecanismo de ação!

 

QUANDO A CASA DOS AVÓS SE FECHA 🏠

Imagem
  Bento Ribeiro   Acho que um dos momentos mais tristes da nossa vida é quando a porta da casa dos avós se fecha para sempre, ou seja, quando essa porta se fecha, encerramos os encontros com todos os membros da família, que em ocasiões especiais quando se reúnem, exaltam os sobrenomes, como se fosse uma família real, e, sempre carregados pelo amor dos avós, como uma bandeira, eles (os avós) são culpados e cúmplices de tudo. . Quando fechamos a casa dos avós, também terminamos as tardes felizes com tios, primos, netos, sobrinhos, pais, irmãos e até recém-casados que se apaixonam pelo ambiente que ali se respira. Não precisa nem sair de casa, estar na casa dos avós é o que toda família precisa para ser feliz. As reuniões de Natal, regadas com o cheiro a tinta fresca, que cada ano que chegam, pensamos “...e se essa for a última vez”? É difícil aceitar que isso tenha um prazo, que um dia tudo ficará coberto de poeira e o riso será uma lembrança longínqua de tempos talvez melhores. . O ano

Cruzada contra a pandemia do medo.

 ANDEM DE MÁSCARA SE ISSO VOS FIZER SENTIR MAIS SEGUROS E MANTENHAM O DISTANCIAMENTO SOCIAL E FAMILIAR QUE ENTENDEREM, MAS VOLTEM A VIVER AS VOSSAS VIDAS PORQUE SENÃO, UM DIA, PODERÃO JÁ NÃO TER TEMPO. Após o reinício gradual da minha atividade assistencial normal, tenho vindo a deparar-me com situações catastróficas que têm ocorrido, à porta fechada, nos mais variados lares portugueses. O medo (sempre o medo), paralisou as pessoas. Deixaram de raciocinar, pensar pelas suas cabeças, estão completamente desorientadas. Ontem, encontrei alguém na rua que me disse: «foi criminoso o que nos fizeram» e, não podendo concordar mais com esta afirmação, decidi que tinha de fazer alguma coisa. Não podemos continuar assim. Os idosos, que lentamente retomam as suas consultas, idosos válidos antes do início da pandemia, mal se mexem, pois nesta espera de dois meses, em que os dias se sucediam todos iguais, passavam o tempo deitados ou sentados, à frente da televisão (a sofrerem tortura psicológica c